Acessar o site
Química

Estequiometria: o que é, cálculo e dicas

A estequiometria estuda as relações de massa nas reações químicas. Aprenda nesse post o assunto que mais caiu no ENEM e nos vestibulares nos últimos anos!

Autor Representação de uma pessoa Ana Maria Data Representação de um calendário 30/10/2019 Tempo Representação de um relógio 5min  de leitura

A Estequiometria, ou Cálculo Estequiométrico, estuda as relações de massa nas reações químicas. Ou seja, as proporções entre reagentes e consumidos e produtos formados.

Como as reações químicas acontecem em proporções definidas, é sempre possível prever quanto do produto será formado dada uma quantidade dos reagentes. Dessa forma, é com essas proporções e rendimentos de uma reação química que a estequiometria se preocupa.

A estequiometria é sempre um assunto MUITO cobrado no ENEM e nos vestibulares, tanto que esse foi o conteúdo que mais caiu nos últimos anos.

Estequiometria Passo a Passo

Para entendermos a estequiometria, precisamos, antes de tudo, interpretar o que a questão está pedindo. Por isso, é importante saber: ela quer a quantidade de produto formado? Ela quer saber quanto de reagente eu preciso para formar uma certa quantidade de produto? Por isso, entender e interpretar a questão é fundamental!

De maneira geral, podemos seguir esses passos:

1.Primeiro, escreva a equação química balanceada.

2.Depois, identifique as proporções entre reagentes e produtos.

3.Em seguida, converta as unidades para mol, massa ou volume, conforme pede a questão.

4.Por último, monte uma regra de três com as informações necessárias, onde a incógnita é o que a questão está pedindo.

Exemplo 1:

Determinar o número de mols de CuO formado a partir de 5 mols de cobre metálico.

2 Cu + O2 → 2 CuO

Essa é a forma mais simples de se abordar a estequiometria. Já temos a equação química balanceada e as proporções entre reagentes e produtos também.

Assim, sabemos que a cada 2 mols de Cu, são formados 2 mols de CuO. Por isso a proporção entre eles é 1:1. Para responder a pergunta da questão, montamos a regra de três:

2 mols de Cu ———— 2 mols de CuO

5 mols de Cu ———— x mols de CuO
x = 5 mols de Cu

Dessa forma, resolvendo a regra de três, chegamos que para 5 mols de Cu, são formados também 5 mols de CuO. Fácil, né?

Por enquanto, estamos trabalhando com número de mols. Mas podemos trabalhar também com outras grandezas, como a massa e o número de partículas.

Exemplo 2:

Determinar a massa de Óxido de Cobre formada a partir de 2,54g de cobre metálico.

2 Cu + O2 → 2 CuO

Nessa equação, vemos que 2 mols de cobre produzem 2 mols de CuO. A quantidade de O2 não é relevante, porque a questão pediu a quantidade a partir da massa de cobre metálico.

Por isso, precisamos converter a massa: de mols para a quantidade em gramas. Assim:

Massa de Cu = 63,5 g/mol. Então, 2 mols = 2.63,5 = 127 g.

Massa de CuO = 63,5 + 16 = 79,5 g/mol. Então, 2 mols = 2.79,5 = 159 g.

Assim, são essas informações que utilizaremos para montar a regra de três. Como a quantidade de reagente para a quantidade de produto formado é sempre proporcional, logo podemos usar quaisquer relações entre eles para determinar a massa formada.

Assim, se 127g de Cobre Metálico formam 159g de óxido de cobre, quantos g de CuO serão formados a partir de 2,54g de Cobre metálico?

127g de Cu ————- 159g de CuO

2,54g de Cu ———— x de CuO
x = 3,18 g de CuO

Desta forma, resolvendo a regra de três, descobrimos que a partir de 2,54g de Cu serão formados 3,18 g de CuO.

Exemplo 3:

Determinar a massa de Cobre metálico necessária para formar 5g de óxido de cobre.

2 Cu + O2 → 2 CuO

Assim como determinamos a massa de produto formada a partir de uma quantidade de reagente, é possível também estimar a quantidade de reagente necessária para se obter uma certa quantidade de produto.

Montando a regra de três:

127g de Cu ———— 159g de CuO

x de Cu ———— 5g de CuO
x = 4,0 g de Cu

Logo, determinamos que para se formar 5g de CuO, são necessários 4,0g de cobre metálico.

Gostou do nosso post? Baixe o nosso eBook para praticar o que você aprendeu!

eBook: Questões de Estequiometria

Preencha os espaços abaixo e receba nosso material gratuito!

Seu eBook foi enviado para o seu e-mail.
Não deixe de checar sua caixa de SPAM e seguir o @biologiatotaloficial nas redes sociais. Bons estudos 🙂